17 de setembro
Apps
350 visualizações

Desenvolvedor React

É o grande favorito do momento e não é atoa. Existe um grande debate sobre o maior, se é VueJS, Angular, se é React… Existem questões de cultura empresarial e mão de obra disponível que contam muito no momento da escolha. Para mim, o importante é a entrega de funcionalidade com o menor tempo de desenvolvimento necessário.

E se o time só sabe jQuery?

Como programador experiente, trabalho há aproximadamente quatro anos com jQuery e tive contato com VueJS, Angular2 e mais recentemente com projetos em React. Posso afirmar que em duas semanas consegui reconstruir um CRUD consumindo de API, graças a componentes prontos como create-react-app, tabela DataTables, React Bootstrap, Axios entre outras bibliotecas que já resolveram problemas de milhares de pessoas e agora tornaram minha inclusão na comunidade mais fácil.

MySQL, por ser camada de dados, só tem contato via objetos convertidos em JSON e/ou chamadas de API. É comum usar e manter uma linguagem de backend no projeto realizando requisições http para controladores normalmente, apesar de que trabalhar com APIs é mais coerente. É possível converter os dados enviados pelo controlador para a view em JSON e assim trabalhar o estado do mesmo, como já disse no parágrafo anterior.

“O React é uma biblioteca JavaScript de código aberto para criar interfaces de usuário. É mantido pelo Facebook, Instagram e uma comunidade de desenvolvedores individuais e outras empresas.”

O que é que dá pra fazer com React

Quer mais boas notícias? É possível usar componentes React juntamente a interfaces baseadas em jQuery, além do Bootstrap, como mencionei. Apesar de ser possível, a grande jogada é substituir gradativamente as interações baseadas em jQuery por bibliotecas do ReactJS. jQuery não pode ser utilizado nos aplicativos móveis em React Native, mas pode ser utilizado na aplicação web (ReactJS). A biblioteca pode ainda ser usada com qualquer outra back-end como JavaScript (Node), PHP, Java, Python, ASP.NET e etc, basta manter estados dos objetos em JSON.

React é ótimo pra reutilização. você pode fazer desde validação de formulários, tabelas com filtro, ordem e paginação, até os painéis dashboard consumindo informação de relatório de múltiplas rotas de API. Com ele é possível monitorar todos os eventos e manter o “estado” de componentes com integridade. Um sentimento de alívio a cada novo CRUD é o que mais chama atenção. Copiamos uma pasta inteira de componentes prontos, renomeamos ela e mudamos alguns textos e campos. Agora tudo funciona bem, em dobro.

Só tome cuidado para não gerar um loop infinito ao manipular o estado no método componentDidUpdate() como fiz tantas vezes. Ao fazer isso, certifique-se de usar uma condição, como comparar as prevProps (propriedades antigas) com as novas, ou mesmo o prevState (estado anterior) com o atual.

Em suma, qualquer nova interface é candidata a ser construída com um framework moderno JavaScript como ReactJS, devido a produtividade que se ganha ao dominar o ciclo de vida dos componentes. Eu uso e recomendo.

Serviço completo de reconstrução das interfaces do seu software. Reconstrução de suas interfaces atuais componentizadas em React. Solicite um orçamento para o serviço de criação de interfaces ou modernização do front-end do seu software com rapidez. Resposta com orçamento e cronograma em até 48h.

Um pouco sobre o autor

Matteus Barbosa - Desenvolvedor Web
                               
Trabalho como Desenvolvedor web desde 2013 e atualmente faço parte do quadro da Symplicity. Também atuo em projetos como profissional autônomo. Para saber da minha experiência, acesse meu Currículo, meu Portfólio, a relação de Referências de Clientes ou ainda a Lista de Serviços. As propostas de serviço são iniciadas com conversas informais, seguidas da coleta de requisitos, elaboração do cronograma e por fim a proposta de orçamento. Todas as etapas são acompanhados de perto via ferramenta online e videoconferências. Os pagamentos são registrados com entrega de notas fiscais. Presto serviços de projeto, desenvolvimento e manutenção de sistemas baseados nos mais diversos frameworks.